Em mensagem ao dia do Trabalhador, Temer defende reforma da previdência e trabalhistas




Presidente gravou vídeo destacando pontos que considera positivos na reforma e garante que desemprego vai começar a diminuir

Em mensagem sobre o Dia do Trabalhador postada em suas páginas em redes sociais, o presidente Michel Temer (PMDB) afirmou que a comemoração da data em meio à tramitação da reforma trabalhista no Congresso Federal é um “momento histórico”. Segundo ele, a medida trará como resultado a diminuição do desemprego.
“Neste 1º de maio trago mensagem de otimismo e de esperança para o trabalhador brasileiro. Estamos, com o apoio do Congresso, fazendo a modernização da legislação trabalhista, mantendo os direitos de cada um e possibilitando a criação de novos empregos”, afirma a postagem.
Segundo ele, a reforma trará mais “harmonia na relação de trabalho” e, com isso, vai reduzir o número de ações na Justiça. Entre os pontos ressaltados por Temer estão os acordos coletivos e a punição para empresas que pagarem salários diferentes, em razão de questões como gênero, etnia, idade ou nacionalidade para trabalhadores que exercem a mesma função.
“Iniciamos uma fase em favor do emprego. A criação de postos de trabalho, inclusive para os jovens, ocorrerá de forma muito mais rápida. A nova lei garante os direitos não só para os empregos diretos, mas também para os temporários e terceirizados, todos com carteira assinada, portanto, concede direitos àqueles trabalhadores que antes não tinham”, afirmou o peemedebista.
Para Temer, a reforma é fundamental para retomar o crescimento e diminuir o número de desempregados no Brasil, que hoje já são 14 milhões. “Trabalhadores, acreditem no seu País. Com a força de todos, nós vamos conseguir levar o Brasil para a trilha do crescimento econômico e do desenvolvimento social.
Confira o vídeo: